Terça, 28 Setembro 2021 18:43

Polícia Civil apreende um quilo de maconha no Vila Jardim

O material foi apreendido e os policiais detiveram duas pessoas O material foi apreendido e os policiais detiveram duas pessoas Ascom/Polícia Civil

Investigações realizadas por policiais civis durante a tarde e noite desta segunda-feira (27), na área do Conjunto Residencial Vila Jardim, no bairro Cidade Satélite, resultou na apreensão de um “tijolo” de um quilo de maconha. Durante a ação, o autor do crime conseguiu fugir. Duas pessoas que estavam no local foram detidas, mas não ficou comprovada a participação delas naquele momento no tráfico de drogas.

De acordo com informações prestadas pela delegada titular da DRE (Delegacia de Repressão ao Entorpecentes) que preside as investigações, Francilene Lima Hoffmann de Vargas, os policiais investigavam a denúncia de que um homem, já identificado pela equipe, estava traficando drogas naquela área específica.

“Os policiais intensificaram as diligências para comprovar a denúncia, prender os envolvidos e apreender a droga”, esclarece a delegada.

Os policiais civis solicitaram o apoio de policiais militares do 2º Batalhão, que atuam na área do Vila Jardim. Por volta das 16 horas, os policiais perceberam a presença do homem investigado, segurando uma sacola de papelão em meio a outras pessoas que estavam no mesmo ambiente na área externa de um dos prédios.

“Neste momento foi iniciada a ação de abordagem ao suspeito. Mas, com a aproximação da viatura policial, todos se evadiram em disparada no sentido ao interior dos prédios. Durante a perseguição o investigado largou a sacola e fugiu. O material foi apreendido e os policiais detiveram duas pessoas no local, sendo um jovem de 23 anos e um adolescente de 16 anos”, disse a delegada.

A delegada observou que durante a fuga dos autores, a droga foi arremessada e não foi possível individualizar as condutas e a propriedade, sendo assim, apreendida a droga, ouvidos os conduzidos e instaurado o inquérito por portaria.

“As investigações terão continuidade e vão esclarecer outros delitos que vêm sendo praticados pelo homem investigado pela equipe e outros que estão associados a ele para a prática destes crimes”, ressaltou a delegada.