Quinta, 26 Março 2020 14:07

Polícia Civil entrega telefones celulares para atendimento de Boletim de Ocorrência nos Distritos Policiais

Os números dos telefones para este serviço serão afixados nos distritos policiais e divulgados nas redes sociais da Polícia Civil. Os números dos telefones para este serviço serão afixados nos distritos policiais e divulgados nas redes sociais da Polícia Civil. Ascom/Polícia Civil

Para ampliar o atendimento à distância ao cidadão que precisa registrar Boletim de Ocorrência, a Polícia Civil entregou cinco novos aparelhos de telefone celular por cada distrito. A medida emergencial e temporária permitirá o registro de Boletim de Ocorrência por telefone e a comprovação dos documentos via aplicativo WhatsApp.

O registro de Boletim de Ocorrência por telefone será concentrado nos Distritos Policiais. Segundo o delegado Geral, Herbert de Amorim Cardoso, nestes casos, o policial civil responsável pelo atendimento da chamada telefônica deverá informar seu nome e matrícula ao cidadão que está em busca do serviço e recolher, previamente, ao registro da ocorrência e via aplicativo Whatsapp, e-mail ou qualquer outro meio eletrônico disponível, fotografia de documento de identificação válido do comunicante, que deverá ser anexada ao boletim de ocorrência no Sistema PPE (Procedimento Policial Eletrônico).

“O registro do Boletim de Ocorrência decorrente de ligação telefônica deverá se dar durante a própria ligação, salvo impossibilidade técnica decorrente da indisponibilidade da rede de dados ou da própria internet. Nestes casos, o policial que atendeu a chamada deverá informar ao cidadão assim que restabelecido o serviço, seja por SMS, Whatsapp ou qualquer outro meio disponível”, esclarece Cardoso.

Cardoso destaca que cada Distrito Policial recebeu telefones celulares com linha para o recebimento das demandas de registro de ocorrência. Os servidores dos distritos policiais serão auxiliados pelos policiais das Delegacias especializadas e registrarão os Boletins de Ocorrência de qualquer natureza, circunscrição ou matéria.

“Nestes casos, os distritos vão vincular no Sistema, para quais delegacias especializadas aquele Boletim de Ocorrência será encaminhado, para fins de investigação e resolução do delito comunicado”, explicou o delegado Geral.

Ainda de acordo com informações prestadas pelo delegado Geral, os delegados titulares dos distritos policiais vão despachar diariamente os boletins registrados em sua unidade e distribuir os de atribuição das delegacias especializadas, com o cuidado de comunicar as ocorrências de maior gravidade que precisem ser priorizadas.

“Os casos que impliquem em grave perturbação da ordem, comoção social ou passíveis de repercussão junto à opinião pública e que exijam uma resposta imediata da Polícia Judiciária que chegarem ao conhecimento do servidor que registrar o Boletim deverá ser comunicado imediatamente ao delegado titular do Distrito”, observou.

Cardoso destacou que o cidadão, além do registro do Boletim de Ocorrência na modalidade Online, terá a sua disposição mais um serviço ofertado para a Polícia Civil para ser atendido nesse momento em que a orientação é evitar aglomerações.

“A Polícia Civil é um serviço essencial. Não podemos fechar as delegacias, mas há a necessidade de se proteger o policial e o cidadão, evitando aglomerações. Então, nesse período em que há uma grande mobilização social por conta dessa pandemia, implementamos medidas emergenciais e temporárias para atendermos a todos, como menor risco possível”, disse.

Os números dos telefones para este serviço serão afixados nos distritos policiais e divulgados nas redes sociais da Polícia Civil.