Quinta, 03 Outubro 2019 14:24

Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão na Vila São Silvestre

 

Uma ação conjunta da Polícia Civil e da Polícia Militar do município de Alto Alegre, com apoio da equipe do Canil da PM cumpriram neste sábado, dia 28, Mandados Judicial de Busca e Apreensão em três residências localizadas na Vila São Silvestre, município de Alto Alegre. Os locais são apontados como pontos de comercialização de drogas.

Na primeira residência, no centro da Vila foram presos Thiago Marques Abreu e Gilvânia Mota Belmont, conhecida como ‘Rainha do Tráfico”. Na casa foram apreendidos 2 aparelhos de telefones celulares, munição, tesoura, pen drive, papel de seda (utilizado para embalar droga), isqueiro e 23 papelotes aparentando ser base de cocaína.

Em diligência continuada, o trabalho de busca foi realizado em uma segunda residência. No local foram presos Luiz Ferraz Alves dos Santos, conhecido como “Ferrari”, Felipe Ribeiro Rocha Lima, conhecido como “Caracu”, Renato Rodrigues Soares, conhecido como “Júnior”.

Renato é apontado pela Polícia Civil como um dos principais fornecedores de drogas na Vila São Silvestre.
Com eles foram apreendidos 40 papelotes aparentando ser pasta base de cocaína, seis munições deflagradas de calibre 20, seis munições intactas calibre 22, três munições deflagradas calibre 38, dois celulares e balança de precisão.

Em um terceiro endereço foram presos Wellaton Douglas de Souza Alves, Victor Silva Oliveira Gomes, Apoliane Oliveira Costa e apreendidos um adolescente de 17 anos, e duas meninas de 16 e 17 anos respectivamente. Foram apreendidas substâncias aparentando ser entorpecente, balança de precisão, 03 celulares, e R$ 700,00.

O trabalho dos agentes contou com o apoio dos policiais militares e dos cães farejadores, sendo coordenado pelo delegado Domingos Sávio, que lavrou três APF’s (Auto de Prisão em Flagrante) contra os acusados por tráfico de drogas e associação para o tráfico, e os encaminhou à Audiência de Custódia.

Contra cada um dos adolescentes foi lavrado um BOC (Boletim de Ocorrência Circunstanciado) também por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Eles foram encaminhados ao Juizado da Infância.